O Pavão e o Urubu


Há um conto japonês milenar que é mais ou menos assim:
Em uma planície, viviam um Urubu e um Pavão.
Certo dia, o Pavão refletiu:
- Sou a ave mais bonita do mundo animal, tenho uma plumagem colorida e
exuberante, porém nem voar eu posso, de modo a mostrar minha beleza. Feliz é o Urubu que é livre para voar para onde o vento o levar.
O Urubu, por sua vez, também refletia no alto de uma árvore:
- Que infeliz ave sou eu, a mais feia de todo o reino animal e ainda tenho que
voar e ser visto por todos, quem me dera ser belo e vistoso tal qual aquele
Pavão.
Foi quando ambas as aves tiveram uma brilhante idéia em comum e se juntaram
para falar sobre ela: um cruzamento seria ótimo para ambas, gerando um
descendente que voasse como o urubu e tivesse a graciosidade de um pavão.
Então cruzaram... e daí nasceu o peru, que é feio pra cacete e não voa!
Moral da história: Se a coisa já tá ruim, não inventa! Gambiarra só dá merda!

8 comentários:

  1. karamba amiga realmente esse cruzamento deu zebra kkk adoro contos ,,,beijokas

    ResponderExcluir
  2. Canso de falar isso pro meu marido o tal jeitinho brasileiro só acaba em caca.....

    ResponderExcluir
  3. Gostei dessa!!! Bom domingo pra vc, bjs.

    ResponderExcluir
  4. kkkkkkkkkk Gostei disso. Tenha uma otima semana!

    ResponderExcluir
  5. Não sabia que foi assim que surgiu o peru.
    Luciane Oppelt

    ResponderExcluir

Comenta aí vai... é quando você comenta que eu melhoro o blog e faço ele ficar do jeitinho que você quer ver.